quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Brasil pede fim do envio de armas para a Síria



O Brasil quer uma ação do Conselho de Segurança da ONU para bloquear o fluxo de armas para a Síria. Apesar de saudar o acordo entre americanos e russos para eliminar o arsenal químico sírio, o chanceler brasileiro, Luiz Alberto Figueiredo, criticou ontem a "paralisia" da ONU e lembrou que a grande maioria das mortes ocorridas na guerra civil foi causada por armas convencionais, "Defendemos a cessação imediata do fluxo de armas convencionais, que só tem agravado o drama. Esse fluxo é parte do problema e tem de ser equacionado. Sem dúvida, esperamos que o Conselho de Segurança possa se pôr de acordo para determinar isso", afirmou o chanceler em entrevista em Brasília.

Os EUA tem fornecido armas para os Terroristas Sírios e a Russia e Irã tem fornecido armas para a Ditadura Síria e até o momento mais de 100 mil pessoas morreram na Guerra Civil Síria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...