quarta-feira, 30 de abril de 2014

Museu Aeroespacial incorpora caça Mirage M-2000 ao acervo

Mirage 2000


As aeronaves Mirage M-2000 e SEPECAT Jaguar GR.1 foram incorporadas, nessa sexta-feira (25/04), à coleção do Museu Aeroespacial (MUSAL). O Jaguar, desativado pela Real Força Aérea Britânica, foi doado ao MUSAL em 2012, e o MIRAGE M-2000, do 1º Grupo de Defesa Aérea (1º GDA), realizou seu último voo no dia 31 de dezembro do ano passado, quando pousou no lendário Campo dos Afonsos, Rio de Janeiro, sede do museu.

O JAGUAR e o M-2000 compõem agora a coleção de mais de 120 aeronaves do MUSAL. Durante a cerimônia, a unidade também recebeu a doação de 50 telas com temática aviação, oferecidas por artistas plásticos da antiga Associação Brasileira da Aviation Art (ABRARTA).

Dentre as autoridades e convidados que participaram da cerimônia estavam o Tenente-Brigadeiro do Ar Paulo Roberto Cardoso Vilarinho, Diretor do Instituto Histórico-Cultural da Aeronáutica, o Chefe do Gabinete do Comandante da Aeronáutica, Major-Brigadeiro do Ar José Magno Resende de Araújo, o Comandante da Universidade da Força Aérea, Major-Brigadeiro do Ar Paulo João Cury, o Adido de Defesa do Reino Unido e o Adido Aeronáutico da França.

Exposição - O Museu Aeroespacial participou das comemorações do Dia da Aviação de Caça, celebrado no dia 22 de abril, na Base Aérea de Santa Cruz (BASC). A unidade promoveu uma exposição sobre o Patrono da Aviação de Caça, o Brigadeiro do Ar Nero Moura e a apresentação de uma maquete interativa da Aeronave P-47, com matrícula D-4, a mesma que o então Tenente Aviador Rui Moreira Lima operou na Itália, na Segunda Guerra Mundial.

Essa e outras exposições importantes para aviação no Brasil seguem disponíveis na sede do MUSAL. Mais informações no site www.musal.aer.mil.br



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...